Pacientes denunciam suspensão na entrega de insumos para bombas de insulina

Diabéticos estão tendo atendimento cancelado pela Prefeitura de Goiânia; suspeita é de falta de pagamento da gestão Iris 

Diabéticos que dependem do Sistema de Infusão Continua de Insulina (Sici), por meio das chamadas bombas de insulina, estão tendo seus atendimentos cancelados pela Prefeitura de Goiânia.

Desde a última segunda-feira (6/11), vários pacientes receberam telefonemas para desmarcar as entregas de insumos agendadas para esta semana. Os motivos para a remarcação foram diversos, mas à maioria muito pouco é dito.

É o caso de Denise, mãe de Jordana, de apenas 13 anos e insulinodependente: “A atendente disse apenas que o agendamento precisava ser cancelado e não havia nenhuma previsão de remarcação.”

Túlio Henrique Alves do Santos conta que o motivo pelo cancelamento de seu atendimento teria se dado por uma nova resolução da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). “Não falaram o motivo, mas disseram que iriam remarcar, só não sabiam quando. A informação que tenho é que há insumos disponíveis, mas a prefeitura não realiza o pagamento e por isso a terceirizada suspendeu o fornecimento”, explicou.

Justamente por causa da suspeita, a Associação Metropolitana de Apoio ao Diabético (Amad) protocolou uma denúncia no Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) na última segunda-feira (6/11).

O objetivo, segundo o vice-presidente André Fabricio Cardoso Silva, é evitar que, mais uma vez, a gestão Iris Rezende (PMDB) deixe os diabéticos sem medicamentos. “Desde o começo do ano temos sofrido com o descaso da prefeitura. As pessoas precisam dos medicamentos para sobreviver”, lamentou.

Mãe de uma jovem de 19 anos que tem problemas cognitivos e é insulinodependente, Sônia Mara relatou uma situação ainda mais grave: que lhe informaram que a entrega dos insumos foi suspensa “por tempo indeterminado” até que uma nova licitação seja realizada.

Explicação

Jornal Opção solicitou esclarecimentos sobre a situação à Secretaria Municipal de Saúde, mas até a publicação desta matéria não obteve resposta.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

cristiane

Isto não é só em Goiana, isto ocorre em São Paulo também, não tem insulina disponível, estão cancelando ad tiras compatível ao aparelho da bomba, após a liberação dos insulmos….
É literalmente uma falta de respeito com os diabéticos e até mesmo familiares.
Meu filho tem 8 anos,é diabético desde 1 ano de idade, sempre foi e cada dia pior.