“Oposição em Goiás só discute nomes, não ideias”, critica Eliane Pinheiro

Deputada afirma que partidos de oposição repetem os mesmos erros que os levaram a cinco derrotas consecutivas em eleições estaduais

Deputada Eliane Pinheiro com o governador Marconi Perillo durante evento do Goiás na Frente

A menos de um ano para as eleições, a oposição em Goiás segue envolvida em um debate fulanizado e carente de ideias entre aliados do senador Ronaldo Caiado (DEM) e do deputado federal Daniel Vilela (PMDB). Esta é a opinião da deputada estadual Eliane Pinheiro (PMN), defensora da pré-candidatura do vice-governador José Eliton (PSDB).

Ela afirma que os partidos de oposição repetem, no momento, os mesmos erros que os levaram a cinco derrotas consecutivas em eleições estaduais. “Os nossos adversários estão quebrando cabeça com um debate estéril. Na base aliada ao governador Marconi Perillo (PSDB) a realidade é diferente: temos um projeto administrativo consistente e conceitos de gestão muito bem definidos para mostrar ao eleitor”, defende.

Eliane diz que Eliton tem muito potencial para crescer, porque ainda é desconhecido por boa parte da população. Além disso, não enfrenta alta rejeição ou o desgaste por ter votado medidas impopulares no Congresso – em referência indireta a Caiado e a Daniel (o peemedebista ajudou a salvar o presidente Michel Temer das denúncias de corrupção e votou a favor da polêmica reforma trabalhista. Caiado também apoiou esta reforma).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.