ONU afirma que até o final de 2022 haverá 8,9 milhões de migrantes e refugiados venezuelanos

Eles escaparam da crise política, econômica e social de seu país

Em 2019, em apoio à ajuda humanitária, imigrantes se reúnem do lado venezuelano: “deixem passar a ajuda humanitária”, gritam. Foto: Alan Chaves/G1 RR

Nessa quinta-feira, 9, a Organização das Nações Unidas (ONU) emitiu uma alerta dizendo que até o final de 2022 haverá 8,9 milhões de migrantes e refugiados venezuelanos radicados em 17 países da América Latina. O motivo do aumento seria em decorrência da crise política, econômica e social da Venezuela.

O alerta foi emitido por  Eduardo Stein, representante especial conjunto da agência da ONU para refugiados (Acnur) e da Organização Internacional das Migrações (OIM), no lançamento do Plano Regional de Resposta a Refugiados e Migrantes (RMRP).

“Estima-se que 8,4 milhões de pessoas vão necessitar de assistência, incluindo 2 milhões de integrantes das comunidades de acolhimento. Trata-se de um forte aumento de pessoas com necessidades, em comparação com anos anteriores. É também um reflexo dos crescentes desafios que enfrentam tanto os refugiados e migrantes da Venezuela quanto as comunidades de acolhimento”, afirmou Stein.

Ainda segundo Stein, 3,8 milhões de venezuelanos vão receber assistência direta do RMRP 2022 que tenta promover os processos de reconhecimentos de títulos acadêmicos e certificações profissionais desses imigrantes, meios de subsistência, geração de recursos e a execução de programas de coesão social para combater a xenofobia, caso eles venham enfrentá-los.

Uma resposta para “ONU afirma que até o final de 2022 haverá 8,9 milhões de migrantes e refugiados venezuelanos”

  1. Avatar Max disse:

    E essa é a tragédia que a PTralha aqui quer impor à sociedade servil e patriótica. Afinal, até quando vamos aturar esses meliante criminosos?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.