Obra milionária do Parque Macambira Anicuns segue paralisada e sem previsão de conclusão

Custo previsto do PUAMA é de 94,5 milhões de dólares. Vereador GCM Romário Policarpo (PTC) contestou situação

Vereador Romário Policarpo | Foto: Fernando Leite / Jornal Opção

Dividido em 11 partes em uma extensão de 25 km, custando 94,5 milhões de dólares e paralisado em sua terceira gestão municipal, as obras do Programa Urbano Ambiental Macambira Anicuns (PUAMA) estão muito longe de chegar ao fim. Por este motivo e sendo uma das principais obras de Goiânia, o vereador GCM Romário Policarpo (PTC) apresentou nesta quarta-feira (6/6), na Câmara, um pedido ao secretário municipal de Planejamento Urbano e Habitação, Agenor Mariano, que também é o atual gestor do projeto, que informasse a situação da construção.

O vereador solicitou dados sobre a obra que, segundo ele, está paralisada há meses. “Tal paralisação não se justifica, uma vez que se trata de uma obra realizada com recursos internacionais, via Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e é de grande interesse social e ambiental”, afirmou.

O PUAMA tem 60% de financiamento do BID e 40% de recursos da prefeitura, mas nem metade das obras estão prontas. Além disso, o prefeito Iris Rezende (MDB) havia prometido conclusões parciais do projeto até o final do último ano, o que também não aconteceu.

Vale lembrar que o Ribeirão Anicuns é classificado como o mais poluído de toda Goiânia, sendo o seu principal afluente o Córrego Macambira. A bacia formada por estes dois cursos d’água drena aproximadamente 70% da área urbana, sendo a mais representativa bacia hidrográfica da capital.

Com estes dados, Policarpo reforçou que um dos objetivo principais do programa é recuperar e preservar este curso de água. “A conclusão da obra é de suma importância para Goiânia e queremos saber o motivo de ainda não ter sido concluída”, justificou o parlamentar.

Em contato com o PUAMA, a reportagem foi encaminhada para a assessoria da Secretaria de Planejamento e Habitação de Goiânia (Seplanh), que não atendeu as ligações.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.