Novo secretário de Segurança critica “politicamente correto” e desarmamento

Irapuan Costa Junior diz que bandidos cometem crimes pelo livre arbítrio e não por falta de oportunidades 

Irapuan Costa Junior, Zé Eliton e Marconi Perillo | Foto: Jota Eurípedes

O novo secretário Irapuan Costa Junior, de 80 anos, deu o tom de como pretende conduzir a Segurança Pública de Goiás, durante sua posse na tarde desta quinta-feira (15/2).

Em um forte discurso, o novo titular negou que haja relação entre desigualdade social e criminalidade,  dizendo ainda que há duas décadas o “politicamente correto” vem tentando colocar na cabeça da sociedade que o “bandido” é conduzido ao caminho do crime por falta de oportunidades.

“Não é verdade. Ele chegou até lá pelo livre arbítrio. E o Estatuto do Desarmamento deixou os bandidos muito mais competentes. Em muitos Estados, os bandidos são mais bem equipados que as próprias forças armadas”, acrescentou.

Ao dirigir-se aos policiais presentes, Irapuan Costa Junior falou em “motivação e compreensão”. “É uma profissão que acompanhei de perto através do meu pai e sei de todos os riscos e dificuldades”, arrematou.

Escolhido pelo vice-governador Zé Eliton (PSDB), que assumirá o governo do Estado em abril, o novo secretário, que também é colunista do Jornal Opção, é considerado como “linha dura”.

Deixando o cargo, Ricardo Balestreri destacou, em discurso, as conquistas de sua gestão à frente da SSP. “O Estado que mais derruba índices criminais hoje em todo o Brasil, é o Estado de Goiás. Isso é motivo de se comemorar”, disse.

2 respostas para “Novo secretário de Segurança critica “politicamente correto” e desarmamento”

  1. Bruno disse:

    Pelo menos algo correto foi feito pelo governo goiano. Chega de desarmamento! A bandidagem tomou conta do país! #PorteJá

  2. Leonidas Souza disse:

    Muito competente…Que o novo secretário complete as vagas do último concurso PM-Go 2016/17, pq faltam aproximadamente 700 militares para serem convocados, assim cumprir o edital que prevê 2,5 mil vagas preenchidas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.