Novatos vão propor diminuição do recesso parlamentar na Assembleia Legislativa: de 90 para 70 dias

Documento que deve ser protocolizado na próxima terça-feira (24/2) conta com assinatura de 15 deputados estaduais: a maioria acaba de assumir o primeiro mandato

Novos deputados propõem recesso legislativo menor. Diego Sorgatto (PSD), Virmondes Cruvinel (PSD), Lucas Calil (PSL) e Jean (PHS) assinaram pedido | Fotos: Alego

Novos deputados propõem recesso legislativo menor. Diego Sorgatto (PSD), Virmondes Cruvinel (PSD), Lucas Calil (PSL) e Jean (PHS) assinaram pedido | Fotos: Alego

A bancada de novatos da Assembleia Legislativa dá início a nova legislatura com uma proposta interessante, mas que promete causar polêmica: diminuir de 90 para 70 dias o recesso parlamentar na Casa de Leis goiana.

O Projeto de Emenda Constitucional (PEC), que deverá ser protocolizado na próxima terça-feira (24/2), segue os moldes da Emenda Constitucional n° 50, de 2006 (EC 50/2006), que reduziu o perído de férias dos deputados federais brasileiros.

O Jornal Opção teve acesso exclusivo ao documento, que pedirá atividade parlamentar na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás entre os dias 2 de fevereiro e 17 de julho; e de 12 de agosto a 22 de dezembro. Atualmente, o funcionamento se dá entre os dias 15 de fevereiro e 30 de junho; e de 1º de agosto a 15 de dezembro.

Tal projeto já havia sido debatido anteriormente por deputados do PMDB. No entanto, ao contrário do grupo de “jovens” deputados, a oposição não conseguiu angariar assinaturas suficientes para a PEC.

Veja abaixo a lista dos deputados estaduais que assinaram a PEC que quer diminuir o recesso parlamentar:

Charles Bento (PRTB)
Diego Sorgatto (PSD)
Dr. Antônio (PDT)
Eliane Pinheiro (PMN)
Francisco Oliveira (PHS)
Gustavo Sebba (PSDB)
Jean (PHS)
Lissauer Vieira (PSD)
Lucas Calil (PSL)
Manoel de Oliveira (PSDB)
Marquinho Palmerston (PSDB)
Santana (PSL)
Sérgio Bravo (Pros)
Virmondes Cruvinel (PSD)
Zé Antônio (PTB)

2 respostas para “Novatos vão propor diminuição do recesso parlamentar na Assembleia Legislativa: de 90 para 70 dias”

  1. Adnaldo disse:

    Parabéns! Precisamos de produtividade. Quanto mais os deputados produzirem, mais a sociedade será agradecida.

  2. antoniel disse:

    Interessante, apesar que ultimamente não tem tido proveito a permanência dos nobres deputados na casa.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.