“Nossa meta era ir ao segundo turno”, diz Vanderlan

Senador concorre a prefeitura de Goiânia contra Maguito Vilela

Vanderlan e o vice Wilder Morais | Foto: Divulgação

Nossa meta era ir ao segundo turno”, disse Vanderlan Cardoso (PSD) durante entrevista coletiva realizada na noite deste domingo, 15. O senador vai ao 2° turno da eleição municipal em Goiânia com Maguito Vilela (MDB).

“Vamos medir os erros amanhã e ver o que iremos melhorar. Nosso diferencial são as nossas propostas”, apontou sobre a campanha. O senador ainda disse que não haverá mudança de tom para o 2o turno em relação ao que foi planejado.

Vanderlan ainda reforçou novamente que foi atacado “por todos os 15 candidatos”. Ele não adiantou possíveis alianças para o segundo turno.

No entano, o senador voltou a dizer que Iris Rezende (MDB) “precisou ser candidato” e recebeu do PT R$ 1 bilhão em dívidas.

Com 70,64% das urnas apuradas, Maguito somou 35,59% dos votos, seguido de Vanderlan, que contou com 24,90%. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) teve problemas com atualização das urnas enviadas pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TRE) o que atrasou a contagem de votos.

Maguito precisou ser intubado novamente neste domingo. Com isso, as expectativas de que o emedebista pudesse pelo menos gravar vídeos para a campanha do 2° turno podem ficar suspensas. No entanto, Daniel Vilela (MDB) diz se tratar de procedimento padrão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.