No MP, secretários da Saúde estabelecem medidas para atendimento pediátrico em Goiânia

Gestão municipal garante contratação de mais profissionais e atendimento 24h. Estado se compromete a aumentar número de leitos

Titulares da SMS e da SES concederam coletiva de imprensa nesta quinta-feira | Fotos: Jornal Opção

Em audiência realizada nesta quinta-feira, 4,  pelo Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO), o secretário estadual e a secretária municipal da Saúde acordaram medidas que devem ser adotadas para solucionar o caos do atendimento pediátrico de Goiânia.

Após a audiência, que durou poucas horas, a secretária Fátima Mrué apontou que por parte da gestão municipal serão contratados novos médicos pediatras, que serão divididos entre os sete distritos sanitários da Capital. Com a medida, o Cais de Campinas deixa de ser o único a atender a especialidade.

Apesar do anúncio de 50 contratações em princípio, Muré não informou se há um levantamento de quantos profissionais seriam necessários oficialmente. “Na medida em que eles forem chegando nós vamos absorvê-los e disponibilizar esse atendimento nos sete distritos sanitários que dispõe a Capital”, informou a secretária.

Nas últimas semanas o Jornal Opção acompanhou a falta de pediatras em plantões. No Cais de Campinas, até então o único do município a atender pediatria, não haviam profissionais após as 7h da noite. Sobre isso Muré garante que as novas contratações visam a garantir o atendimento por 24 horas.

Secretário Estadual

Por parte do secretário Estadual de Saúde, Ismael Alexandrino, ficou estabelecida a ampliação do atendimento ao Hugol. Conforme a ata da audiência, 10 leitos de pediatria e 39 a 43 leitos de enfermaria pediátrica serão abertas na unidade, até a sexta-feira, 12, da próxima semana. Além disso, serão abertos outros 10 leitos de UTI neonatal no HMI em 60 dias.

“Com essa abertura no Hugol, vamos dar uma desafogada no Materno Infantil”, informa Ismael. O secretário relembra que o Hugol, que é gerido por uma Organização Social (OS), ainda não possui reserva de cadastro de profissionais. Ele informa que para suprir a demanda dos novos leitos, os pediatras que estão no cadastro reserva do HMI serão convocados.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.