No combate à pandemia, Senado aprova R$ 160 milhões de auxílio para asilos

Dinheiro deve ser destinado para compras de insumos, medicamentos, equipamentos básicos de segurança e higiene e adequação dos espaços para isolamento

Fachada do Congresso Nacional. Foto: Pedro França/Agência Senado

Nesta quinta-feira, 4, o Senado Federal aprovou um auxílio financeiro no valor de até R$ 160 milhões para Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) — antigos asilos — com o intuito de contribuir no combate à pandemia de coronavírus. Texto segue para sanção presidencial.

Os recursos virão do Fundo Nacional do Idoso e, de acordo com o texto, poderão receber o auxílio as instituições sem fins lucrativos inscritas nos Conselhos Municipais da Pessoa Idosa, nos Conselhos Municipais de Assistência Social ou em instituições equivalentes de esfera estadual ou nacional.

O dinheiro deve ser destinado para ações de prevenção e de controle da Covid-19, como compra de insumos e de equipamentos básicos para segurança e higiene dos residentes e funcionários, compra de medicamentos e adequação dos espaços para isolamento dos casos suspeitos e leves da doença.

“Além de salvar vidas, o uso dos recursos para prevenir a disseminação do novo coronavírus em instituições que atendem idosos irá ajudar a reduzir a utilização de leitos hospitalares, inclusive caras e escassas UTIs, economizando, portanto, recursos públicos e salvando mais vidas”, disse o relator do projeto, senador José Maranhão (MDB-PB).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.