Neto do ex-presidente Lula, de 7 anos, morre em SP com meningite bacteriana

A criança chegou ao Hospital Bartira em Santo André (SP), no ABC Paulista, às 7h20 e faleceu às 12h11 devido ao agravamento do quadro infeccioso

O pequeno Artur Lula da Silva, de 7 anos, faleceu poucas horas após dar entrada no hospital | Foto: Reprodução/Facebook

O neto do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, o pequeno Artur Lula da Silva, de 7 anos, faleceu na sexta-feira, 1º, no Hospital Bartira em Santo André (SP). Ele chegou ao hospital com o quadro instável e diagnosticado pela equipe médica com meningite bacteriana.

Ao meio dia, a criança não resistiu ao agravamento “do quadro infeccioso de meningite meningocócica”, segundo a nota emitida pelo hospital.

Arthur Lula da Silva era filho Marlene Araújo Lula da Silva e Sandro Luis Lula da Silva, filho da ex-primeira-dama Marisa Letícia.

A presidente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), senadora Gleise Hoffman, afirmou em sua conta no Twitter que fará de tudo para que o ex-presidente possa se despedir do neto.

“Presidente Lula perdeu seu neto hoje. Que tristeza. Arthur tinha 7 anos e foi vítima de uma meningite. Força presidente, estamos do teu lado, sinta nosso abraço e solidariedade. Faremos de tudo pra que você possa vê-lo. Força a família, aos pais Sandro e Marlene. Dia muito triste”, diz o post de Gleise Hoffmann (PT-SC).

O diretório nacional do partido também publicou uma nota se solidarizando com Lula e afirma que cada militante do partido também compartilha da dor do ex-presidente.

Leia a nota do PT na íntegra:

“O Partido dos Trabalhadores está solidário com o presidente Lula e sua família, neste momento de dor em que ele perdeu, de forma dramática, o querido neto Arthur, de apenas 7 anos. É mais uma tragédia pessoal que o atinge, em meio à perseguição política e à farsa judicial de que ele é vítima.

A dor de Lula é compartilhada por cada militante do PT e pelos milhões de brasileiros que o reconhecem como o presidente que mais combateu a fome e a mortalidade infantil, com programas sociais, de saúde e geração de renda. O presidente que defendeu a vida e um futuro melhor para nossas crianças.

Lula não merece estar preso, porque provou sua inocência diante de todas as acusações falsas que lhe fizeram. Lula tem o direito de compartilhar com seus familiares, o filho Sandro e a nora Marlene, o luto pela morte do pequeno Arthur. Muita força, companheiro Lula. Que Deus o abençoe”, diz a nota do Diretório Nacional do PT.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.