Multa para motorista que trafegar com faróis desligados em Goiás já está valendo

Agetop informa que, a partir desta segunda-feira (21/11), o período educativo chegou ao fim e infrações serão registradas 

Chegou ao fim, no último domingo (20/11), o período educativo proposto pela Agência Goiana de Transportes e Obras Públicas (Agetop) para que motoristas goianos se adequem à Lei do Farol, que determina luz acesa durante o dia, em rodovias estaduais de Goiás.

A partir desta segunda-feira (21), o motorista que for flagrado sem os faróis acesos será ser multado em R$ 130,16, além de quatro pontos na carteira. A infração é considerada média.

Só haverá exceção no perímetro urbano das rodovias goianas, caso o veículo esteja com o farol desligado durante o dia. No entender da Agetop, este segmento é tratado como avenidas das cidades. Mas, ao fim do perímetro urbano, o farol deve estar aceso.

Nove placas de sinalização foram instaladas no fim do perímetro urbano das rodovias de saída de Goiânia para alertar os usuários sobre a necessidade de ligar o farol.

A lei federal 13.290/2016 determina que o condutor manterá acesos os faróis do veículo, utilizando luz baixa, durante a noite e dia nos túneis providos de iluminação pública e nas rodovias. A lei está em vigência desde 20/10 em todo o país.

Veja abaixo o mapa preparado pela Agetop:

fim-do-carater-educativo-mapa

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.