Mulher é presa em Goiânia após tirar “selfie” enquanto votava

Até o momento a Polícia Militar deteve 16 pessoas que estariam fazendo boca de urna em Goiânia. Entre estes, uma mulher que  tirou um “selfie” enquanto votava. De acordo com a lei, ela pode ser multada em até R$ 16 mil.

A medida é para proteger o sigilo do voto e também para impedir que o eleitor comprove sua escolha, caso esteja sofrendo alguma pressão ou venda de voto.

No interior, cinco pessoas foram detidas, sendo duas em Caldas Novas, uma no Rio Quente, uma em Goiatuba e outra em Ceres.

Uma resposta para “Mulher é presa em Goiânia após tirar “selfie” enquanto votava”

  1. Avatar julia disse:

    bem feito, nisso é que da essa cegueira por facebook

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.