MP notifica secretaria de Educação contra fechamento de turmas em escolas de Goiânia

Conforme Jornal Opção apurou, apenas em uma unidade municipal, no Celina Park, 120 adolescentes deixariam de ser atendidos

O Ministério Público de Goiás (MP-GO) expediu uma recomendação ao secretário municipal de Educação, Marcelo Ferreira Costa, contra o fechamento das turmas “i” do clico 3, correspondente ao 9º ano, na Escola Municipal Deushaydes Rodrigues.

Conforme adiantou o Jornal Opção, a decisão da Secretaria, que para a comunidade foi tomada de forma arbitrária, afetaria diretamente 120 alunos matriculados na unidade de ensino e que deixarão de ser atendidos. Mas o número pode chegar a 180 nos próximos dois anos já que, segundo informações repassadas pelos professores da escola, mais turmas serão fechadas em 2019 e 2020.

De acordo com o documento, foi estipulado um prazo de cinco dias para que o secretário cumpra a recomendação, sob pena de serem adotadas as medidas judiciais cabíveis.

Estrutura

No lugar das turmas que serão fechadas, a Escola Municipal Deushaydes vai receber alunos da educação infantil, crianças de 4 e 5 anos, que passarão a ser matriculadas no local.

A reportagem visitou o local e verificou que a falta de estrutura adequada põe em risco a vida das crianças.

Veja a resposta da Secretaria sobre a situação:

A Secretaria Municipal de Educação e Esporte de Goiânia informa que a Escola Municipal Deushaydes Rodrigues de Oliveira estará preparada para receber os alunos de 4 anos no início do ano letivo. Na próxima semana, a unidade receberá recurso para realizar as adequações necessárias.

A Secretaria informa, ainda, que, na região, a rede estadual conta com a Escola Deputado José Luciano, para onde todos os alunos do 9º ano que manifestaram interesse foram automaticamente transferidos.

SME

Deixe um comentário