Mitos e dietas de internet podem causar compulsão alimentar

Limão com água morna em jejum, evitar glúten ou cortar carboidratos são algumas das práticas que, se feitas sem ajuda profissional, podem desencadear problemas graves

Reprodução

Atualmente, com o fácil acesso à informação pela internet, é muito comum que as pessoas busquem maneiras simples e rápidas de resolverem problemas, principalmente quando se trata de saúde, mais especificamente perda de peso. Neste contexto, dietas “milagrosas” são as mais procuradas e, também, as mais perigosas.

Na busca pelo emagrecimento rápido, muita gente acredita no que lê em qualquer lugar e inicia práticas sem procurar um profissional e sem se preocupar com possíveis complicações. Segundo a nutricionista clínica e esportiva Maíra Azevedo, essas dietas geralmente são restritivas e não levam em conta o estado de saúde, o hábito alimentar e o estilo de vida do indivíduo.

“Dietas de internet não promovem educação nutricional, ou seja, a pessoa não aprende a comer e quando volta aos hábitos antigos recupera todo o peso perdido. Seguir dicas como tomar limão com água morna em jejum, evitar glúten ou cortar carboidratos sem a ajuda de um profissional pode comprometer a saúde do paciente, gerando uma compulsão, outro transtorno alimentar ou o temido efeito sanfona”, afirma Maíra.

Maíra Azevedo | Reprodução

É o que percebeu a contadora Janete Silva, de 29 anos, que admitiu já ter seguido dietas da internet sem acompanhamento profissional e perceber que não estava funcionando da maneira que imaginava. “Fiz inúmeras dietas, algumas delas juntas com outras e por vezes percebi a perca de peso, mas, sem levar a sério ou com um profissional me acompanhando, sempre engordava de novo”, conta.

“Depois, quando eu inventava de fazer outra dieta, sentia que demorava mais ainda para perder o peso que tinha ganhado”, emenda Janete, afirmando que agora tem uma nutricionista para ajudar com a alimentação.

Outro profissional da área, a nutricionista Laura Vieira Carvalho, confirma os riscos de dietas feitas apenas pela consulta na internet e que, na maioria das vezes, não são seguidas no tempo e da forma corretas.

A especialista alerta que não há métodos milagrosos para perder peso e manter o corpo saudável. Por isso, afirma que, caso a pessoa esteja acima do peso, é indispensável o acompanhamento por nutricionistas e outros profissionais da área da saúde. “Mas para todas as pessoas, no geral, a regra é clara: alimentação equilibrada e exercícios físicos regularmente”, resume a profissional.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.