Ministro da Educação anuncia investimento de R$ 3,3 milhões a 29 municípios goianos

Em Rio Verde, Mendonça Filho participou de inauguração de obras no IF Goiano e elogiou trabalho de Raquel Teixeira à frente da pasta no estado

Prefeito de Rio Verde, Paulo do Vale; ministro Mendonça Filho; senador Ronaldo Caiado; e secretária Raquel Teixeira | Foto: reprodução/ MEC

O Ministério da Educação, por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), liberou, nesta segunda-feira (13/3), R$ 131 milhões para o andamento de 753 obras (e aquisição de equipamentos) em escolas e creches de 685 municípios brasileiros.

O termo de autorização foi assinado pelo ministro Mendonça Filho (DEM) em Rio Verde (GO), um dos 29 municípios goianos beneficiadas com a destinação de R$ 3,3 milhões. “As medidas que vêm sendo adotadas pelo governo federal para melhorar a educação no país têm fortalecido o pacto federativo, como a antecipação do repasse de recursos para o cumprimento do piso salarial dos professores e o reajuste na merenda escolar”, destacou durante discurso.

A secretária de Educação, Cultura e Esporte de Goiás, Raquel Teixeira, representou o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), na visita que o ministro fez a Rio Verde (GO). Durante a solenidade de inauguração das obras de ampliação do Instituto Federal Goiano (IF Goiano) – Campus Rio Verde, Raquel Teixeira destacou a “pujança intelectual” da cidade, que abriga mais de dez faculdades e universidades.

“São mais de 100 escolas preparando crianças e jovens, além de vários cursos superiores e técnicos voltados para as vocações e demandas do município. Vale ressaltar a relevância de um evento pluripartidário como esse, com todos os prefeitos, independentemente de partido político. E é assim que a educação deve ser tratada, porque ao pai do aluno não importam questões partidárias, mas sim se o filho dele tem uma escola boa, onde há aprendizagem”, discursou.

O evento contou também com as presenças do presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Silvio Pinheiro; do prefeito de Rio Verde, Paulo do Vale (PMDB); do reitor do IF Goiano, Vicente Pereira de Almeida; bem como os senadores Ronaldo Caiado (DEM) e Lúcia Vânia (PSB), deputados federais, prefeitos e secretários de educação de todo o estado.

A secretária ressaltou, ainda, o trabalho “inovador e corajoso” do ministro Mendonça Filho na educação brasileira “Com coragem, firmeza, habilidade e democracia, as reformas que o Brasil precisa na educação estão sendo feitas pelo senhor. A reforma do Ensino Médio brasileiro é o seu maior legado, porque mostrou que é necessário enfrentar a mesmice”, defendeu.

Raquel Teixeira lembrou que apenas 10% dos alunos terminam o terceiro ano sabendo o que precisam saber de matemática e 14% de língua portuguesa. Quase a metade não conclui o terceiro ano.

“Esses índices mostram que esse sistema educacional não está bom. A reforma, ao traçar e propor diferentes itinerários, possibilita ao aluno ser protagonista da própria vida profissional. Atualmente, raros jovens saem da universidade pensando em usar seus conhecimentos adquiridos para empreender uma atividade própria. Ainda temos a cultura da dependência do Estado e do emprego”, completou.

O ministro da Educação saudou e agradeceu a presença da secretária de Educação como representante do governador Marconi Perillo. “Reputo a competente Raquel Teixeira como uma das mais qualificadas do Brasil”, disse ao salientar que, para que as políticas públicas sejam efetivas, é necessária a parceria de estados e municípios. “Somente fortalecendo o Pacto Federativo faremos avançar a educação no Brasil”, reiterou.

Raquel Teixeira discursa durante o evento | Foto: Seduce

Ampliação 

Completando 50 anos em 2017, o IF Goiano é a única instituição pública de ensino superior instalada em Rio Verde. Oferece 11 cursos de graduação, 8 cursos técnicos — incluindo 2 cursos de Educação de Jovens e Adultos na Modalidade de Ensino Médio Integrado ao Técnico, 7 cursos de mestrado e 2 de doutorado — e 9 cursos técnicos à distância.

Foram inauguradas 12 obras em Rio Verde: Biblioteca Central, Bloco das Engenharias I, Bloco das Engenharias II, Bloco de Laboratórios de Agroquímica, Fábrica de Ração Experimental, Laboratório de Cultura em Tecidos, Laboratório de Irrigação e Hidráulica, Laboratório de Microbiologia, Laboratório de Pós-Colheita de Grãos, Pavimentação, Portal de acesso ao campus e Setor de Transportes. O investimento na ampliação é de aproximadamente R$ 13 milhões, e as novas estruturas irão atender mais de 4 mil alunos. (As informações são das assessorias de imprensa do Ministério da Cultura e da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esporte)

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.