Ministro anuncia recursos para construção do hospital de Palmeiras de Goiás

Em seu 112º aniversário, cidade se tornou a capital do Estado por um dia

Reprodução

O governador Marconi Perillo (PSDB) iniciou a agenda oficial desta quinta-feira (6/7), às 8 horas em Palmeiras de Goiás, que se tornou a capital do Estado por um dia. A cidade completou 112 anos de emancipação política e recebeu os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, todos eles comandados por palmeirenses. “Não há registro em Goiás de um momento como este, de transferência da capital, no qual os representantes dos três poderes são filhos da terra”, relatou o governador.

Ainda no município, onde viveu a infância e a adolescência, Marconi relatou os investimentos de R$ 3 milhões do programa Goiás na Frente e entregou benefícios. O Ministro da Saúde, Ricardo Barros, esteve presente e anunciou R$ 16 milhões para o Hospital Municipal. “Nós economizamos R$ 3,5 bilhões nas compras do Sistema Único de Saúde (SUS) e, por isso, anuncio aqui a liberação de R$ 16 milhões para a construção do Hospital Municipal de Palmeiras de Goiás”, afirmou.

O governador também fez o lançamento simbólico da Escolinha de Futebol e da construção do Centro de Convenções, com a doação da área para a construção, avaliada em mais de R$ 600 mil; e entregou as reformas do Polo Urbano Integração, do Cepal, do Cmei Cândida de Araújo e da estátua do Cristo Redentor.

“Palmeiras representa hoje o Estado de Goiás e une a pujança, o progresso, mas sem se esquecer de sua história e tradição”, registrou o vice-governador José Eliton. Marconi ainda autorizou a abertura de processo seletivo para a Orquestra Filarmônica da cidade e a liberação de crédito da Goiás Fomento para empreendedores da região. O

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.