Meninas que torturaram colega ficarão internadas por 45 dias até Justiça decidir sobre caso

Crime envolvendo meninas entre 13 e 16 anos chocou município goiano e teve grande repercussão nas redes sociais

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Foto: Divulgação/Polícia Civil

As quatro adolescentes que torturaram uma jovem de 14 anos no município de Trindade serão transferidas nesta terça-feira (4/10) para centros de internação social nos municípios de Goiânia e Formosa.

A decisão da juíza Karine Dias, da primeira vara cível de infanto-juvenil, atende representação do Ministério Público de Goiás (MPGO). As adolescentes poderão ficar nas unidades em torno de 45 dias, prazo para que a Justiça defina se elas devem ou não permanecer internadas.

O caso envolvendo as meninas, que têm entre 13 e 16 anos, chocou o município goiano e teve grande repercussão nas redes sociais. O quarteto torturou a rival por cerca de 4 horas e chegou a cavar uma cova para enterrar o corpo da jovem.

O crime ocorreu na última quinta-feira (29). Com o pretexto de uma falsa festa, as adolescentes atraíram a adolescente até a casa de uma delas, dando início à sessão de tortura. As menores usaram um martelo, pedaços de pau e até um facão para torturar a vítima, que teve dez cortes na cabeça e três nas costas.

Para a polícia, o crime foi motivado por ciúmes e inveja. Conforme apurado, a vítima daria uma festa de debutante no final do ano e teria convidado o ex-namorado de uma das autoras para participar da festa, causando a ira das adolescentes

2 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Antonio Carlos Garcia

Esperamos que a justiça, possa ser feita com rigor; para que no futuro, outros jovens, não faça igual. por que eles pensam que sendo menores. Não serão punidos, por isso podem,aprontar.

Julia pedrosa

Verdade Antonio Carlos Garcia tem que mandar logo pra cadeia

Esr Da Silva Esr

Não vai dar em nada daqui a pouco estão nas ruas de novo, isso é coisa de psicopata…