Médicos não confirmam que Angélica e Huck sofreram fraturas

Aeronave em que estavam casal de apresentadores, filhos e tripulação sofreu incidente em fazenda no Mato Grosso do Sul. Todos sobreviveram

Foto que vazou na internet mostra Angélica sendo atendida, ao lado de Luciano Huck | Foto: Reprodução/Instagram

Foto que vazou na internet mostra Angélica sendo atendida, ao lado de Luciano Huck | Foto: Reprodução/Instagram

O avião que transportava o casal de apresentadores Luciano Huck e Angélica fez pouso forçado na manhã deste domingo (24/5) em uma fazenda localizada nas imediações da rodovia MS-080, no Mato Grosso do Sul, após apresentar pane no motor, por volta de 10h52. Além da tripulação, ainda estavam na aeronave os três filhos dos globais e duas babás. Todos sofreram lesões leves e foram encaminhados ao Hospital Santa Casa, em Campo Grande (MS).

Até o momento, não foi confirmado que Luciano Huck teria fraturado uma costela e que Angélica, o quadril. Uma entrevista coletiva para divulgar o estado de saúde deles prevista para esta tarde foi cancelada. No enteanto, a unidade informou em nota que todos foram atendidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O comunicado diz ainda que a família pediu que não fossem repassados mais detalhes.

Há a informação de que a família pode ser transferida para São Paulo, mas ainda não foi emitida autorização dos médicos. Foram feitos exames de raio-x e eles aguardam alta hospitalar. Segundo testemunhas, Luciano Huck chegou ao hospital com dores nas costas. Uma médica integrante da diretoria técnica disse que todos estão estáveis em uma sala separada para evitar tumultos.

Vazou pelo Twitter uma foto em que Angélica é atendida. Na imagem, a apresentadora aparece deitada em uma maca. Ela está rodeada de médicos e do marido.

O avião de prefixo Embraer 820C decolou de uma estância turística do Pantanal, em Miranda (MS), e tinha previsão de pousar na capital do estado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.