Marconi trata da reativação da Hidrovia Tietê-Paraná com Mercadante

Representantes do Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais e São Paulo também participaram do encontro. Nova reunião acontece na próxima semana

Governador Marconi se reúne com o ministro da Casa Civil Aloizio Mercadante | Foto: Eduardo Ferreira

Governador Marconi se reúne com o ministro da Casa Civil Aloizio Mercadante | Foto: Eduardo Ferreira

O governador Marconi Perillo (PSDB) se reuniu na última quarta-feira (8/7) com o ministro da Casa Civil, Aloizio Mercadante, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. O encontro tratou de medidas para reativar a Hidrovia Tietê-Paraná.

O secretário de Estado de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Cidades, Infraestrutura e Assuntos Metropolitanos de Goiás, Vilmar Rocha, e representantes do Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais e São Paulo também participaram do encontro. Uma nova reunião ficou marcada para a próxima semana.

“Esta próxima reunião poderá encontrar uma solução já que as empresas têm vários estudos que dão segurança para uma desfecho que seja bom para todos, ou seja, para a hidrovia e para a geração de energia”, disse Marconi.

A preocupação do governador é com a possibilidade de fechamento do canal de Pereira Barreto, em São Paulo, o que interromperia definitivamente a hidrovia. Ele pediu ao ministro que o governo federal faça a mediação das discussões entre os Estados envolvidos para garantir a reabertura da hidrovia.

“O canal não possui vazão suficiente para abastecer usinas hidrelétricas localizadas no Estado de São Paulo e, ao mesmo tempo, permitir o tráfego de barcaças que transportam mercadorias, o que gera prejuízos para Goiás”, afirmou Marconi em uma publicação em rede social.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.