Goiano e correligionário do presidente foi o escolhido de Bolsonaro para articular matérias do Planalto na Casa Legislativa

Foto: Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) publicou, na manhã desta segunda-feira, 4, no Diário Oficial da União (DOU), a nomeação do deputado federal goiano Major Vitor Hugo (PSL) para ser líder do Governo na Câmara.

Sua indicação, no dia 14 de janeiro, causou estranhamento, por ser um parlamentar estreante, sem tanta experiência política quantos colegas também próximos de Bolsonaro.

À época da decisão, o Major disse ao Jornal Opção que ele tem experiência na Casa, por sua atuação como advogado e consultor legislativo concursado. Além disso, ele considerou que a confiança do presidente nele pesou na decisão. O que é confirmado por colegas de Goiás, como o vereador de Goiânia, Lucas Kitão (PSL).

Sua primeira missão será articular a aprovação da Reforma da Previdência no Plenário. A matéria foi um dos carros chefes da campanha do capitão da reserva e o ministro da Economia Paulo Guedes já disse que é pauta prioritária do Governo. A apreciação positiva na Câmara dos Deputados, portanto, será determinante e a articulação do líder fundamental.