Maguito e Mendanha discutem parceria administrativa e inovação tecnológica

Emedebistas defendem união de forças com outros governos e instituições

Gustavo Mendanha e Maguito Vilela | Foto: Reprodução

O candidato a prefeito de Goiânia Maguito Vilela (MDB) participou na noite desta terça-feira, 29, de um bate-papo virtual com o prefeito de Aparecida e candidato à reeleição, Gustavo Mendanha (MDB). Na live, os políticos discutiram parcerias administrativas entre as duas cidades e investimentos em inovação tecnológica.

“Temos que trazer modernidade para as cidades e melhorar a vida das pessoas, movimentando a economia e prestando serviços com maior eficiência”, disse Maguito ao destacar que seu plano de governo prevê alavancar investimentos em inovação tecnológica. Aparecida de Goiânia, segundo Maguito, é hoje uma referência nacional em uso de tecnologias avançadas.

Para Mendanha, investimentos aplicados em Aparecida têm impacto direto na vida da população. “A ideia de modernidade é trazer sustentabilidade e qualidade de vida para as pessoas. Levamos o ensino de robótica para o ensino fundamental, por exemplo, para criar essa cultura digital na cidade”, destacou o candidato.

Investir em educação e saúde é dever de todo governo

Sobre investimentos primordiais para melhorar a qualidade de vida das pessoas, Maguito sublinhou que “”. Para ele, “no mundo não falta recurso, faltam projetos”.

O candidato a prefeito de Goiânia disse a Gustavo que pretende criar a Secretaria de Projetos e Captação de Recursos, pegando como exemplo Aparecida de Goiânia, que por meio dessa secretaria conseguiu elaborar projetos e conquistar recursos importantes junto ao governo federal e organismos privados para executar projetos de grande porte no município.

Maguito Vilela disse que, se for eleito prefeito de Goiânia, não fará oposição, mas buscará parcerias com instituições e governos. “Governo não faz oposição a governo, mas unem forças com outros governos e instituições. Temos que ser conciliadores e pacificadores, independentemente de qualquer coisa”, destacou o candidato.

Gustavo aproveitou a oportunidade e voltou a afirmar que aprendeu com Maguito a fazer “a política do bem”, sem oposição gratuita, e que o diálogo é uma peça-chave para a democracia. “Independentemente de partidos e de bandeiras, é preciso saber dialogar e ser republicano”, pontuou ao destacar a importância de harmonia entre os poderes, sociedade civil e instituições não-governamentais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.