Lincoln Tejota confirma pré-candidatura a deputado federal

Deputado estadual afirmou que sua base política no interior, composta por 28 prefeitos, cobra passo maior para garantir sustentação

O deputado estadual Lincoln Tejota (PSD) confirmou, em entrevista ao Jornal Opção, que tem intenção de disputar em 2018 não a releição, mas sim um cargo na Câmara dos Deputados. Segundo ele, seu trabalho no interior do estado o fortaleceu e sua base política o incentiva a alçar voos maiores e tentar se eleger para deputado federal.

“Em 2014, tive uma votação muito expressiva: 45 mil votos e, desses, 39 mil votos foram no interior do Estado. Minha base hoje tem me cobrado um passo maior, até pela própria sustentação dela”, explica. A cobrança vem, principalmente, da demanda dos prefeitos por verbas, esclarece o deputado.

“Eu tive a oportunidade de reeleger e eleger 26 prefeitos, e hoje já tiveram mais dois que me procuraram, então estou trabalhando com 28 prefeitos”, enumera ele. “Não é fácil mantê-los com estrutura só de deputado estadual, com emendas parlamentares de deputado estadual, é necessário um passo maior, então tenho me preparado sim e colocado meu nome à disposição do partido e da minha base como pré-candidato a deputado federal.”

Na sua avaliação, é preciso ter uma votação de, no mínimo, 90 mil votos. “Para deputado estadual, em 2010, a linha de corte foi em torno de 24 mil votos. Em 2014, foi de 29 mil votos. Para federal, a gente percebe que a linha de corte nessas eleições agora foi de 90 mil votos, então um deputado que pensa em ser eleito tem que ter entre 90 e 100 mil votos”, pontuou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.