Liminar da justiça suspende edital de chamamento para o BRT

Medida é em resposta a pedido da Viação Reunidas, que possui contratos com a Prefeitura de Goiânia desde 2008 para exploração da linha

Foto: Prefeitura de Goiânia

Liminar suspende o edital de chamamento para concessão do BRT Norte-Sul, publicado pela Companhia Metropolitana de Transporte Coletivo (CMTC). A liminar foi concedida pelo juiz Reinaldo Alves Ferreira, da 1ª Vara da Fazenda Pública Estadual

A liminar foi concedida atendendo um pedido da Viação Reunidas. No documento a empresa alega ter direito a linha, por conta dos contratos assinados com a Prefeitura de Goiânia para exploração do transporte público na capital, desde 2008.

No despacho do juiz, ele diz que decide “suspender os efeitos do Edital de Chamamento para Procedimento de Manifestação de Interesse nº 001/2020, bem como para determinar que se abstenha a CMTC da prática de qualquer ato necessário à abertura de procedimento licitatório referente a prestação de serviço de transporte público de passageiros do Corredor Norte-Sul de Goiânia, na modalidade BRT”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.