Líder do PMDB diz que Guarda Municipal é “despreparada” e isenta Iris em desocupação

José Nelto garantiu que prefeito reprovou violência empregada e que deve apurar os excessos cometidos

Deputado José Nelto | Foto: Y. Maeda

Em entrevista ao Jornal Opção na tarde desta quinta-feira (27/4), o líder do PMDB na Assembleia Legislativa de Goiás, deputado José Nelto, isentou o prefeito de Goiânia, Iris Rezende (PMDB), na truculenta ação de desocupação do prédio da Secretaria Municipal de Educação na noite da última quarta (26).

Segundo ele, o prefeito “reprovou” a violência empregada pela Guarda Municipal, que usou bombas de efeito moral e disparou tiros de borracha contra os manifestantes, deixando dezenas de professores e alunos feridos.

“Iris aprovou a desocupação do prédio, que é legítima, mas não a violência. Quando um gestor dá uma ordem, se houver excesso no processo, tem que puni-los. Eu particularmente prego a paz, essa ação não tem meu apoio”, criticou.

Por fim, José Nelto fez dura crítica contra a Guarda Civil Metropolitana de Goiânia dizendo que os agentes “não estão preparados para lidar com grevistas”.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Rogério

Aneim esse trouxa não consegue fazer nada pelo estado quer dar pitaco no município. Vai fazer algum projeto p beneficiar a pm ou aparecido.

Rogério

Queria saber qual o projeto que esse ridículo já apresentou.

Denis

Esse cara deveria colocar uma melancia na cabeça!!!