Karlos Cabral assume mandato na Assembleia Legislativa de Goiás

Novo deputado do PDT fica no lugar de Renato de Castro (PMDB), prefeito eleito de Goianésia 

Karlos Cabral, eleito pelo PT, assume vaga de Renato de Castro, do PMDB | Foto: Reprodução Alego / Ruber Couto

Karlos Cabral, eleito pelo PT, assume vaga de Renato de Castro, do PMDB | Foto: Reprodução Alego / Ruber Couto

Karlos Cabral (PDT) tomou posse como deputado estadual na última quinta-feira (22/12) antes da Assembleia Legislativa encerrar suas atividades. Eleito 1º suplente do Partido dos Trabalhadores no pleito de 2014, com 15.254 votos, Cabral assume a vaga deixada por Renato de Castro (PMDB), que também entrou na Casa pelo quociente do PT.

Eleito com 50,71% dos votos nas eleições municipais deste ano, Renato de Castro renuncia ao cargo de deputado estadual para se dedicar à prefeitura do município de Goianésia.

Karlos Cabral, pela segunda vez no Parlamento Goiano, soma-se ao deputado Lissauer Vieira (PSB) para lutar pelos interesses da cidade de Rio Verde e da região Sudoeste do Estado. “Vamos juntos fazer um grande cinturão de apoio para o Sudoeste, mas também assumo compromisso para com a cidade de Goianésia, já que preencho a vaga deixada pelo amigo Renato de Castro, que tão bem a representa”, declarou.

Além de Karlos Cabral e Renato de Castro, estiveram presentes na posse, realizada às 17 horas, no gabinete da Presidência, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Helio de Sousa (PSDB), e o deputado Lissauer Vieira, que fez as vezes de 1º secretário.

Novas posses

No próximo dia 3 de janeiro, quatro deputados serão empossados. Lêda Borges, secretária da Cidadania do Estado de Goiás retoma o mandato na Assembleia.

O suplente Wagner Siqueira preencherá a vaga deixada por Adib Elias (PMDB), eleito prefeito de Catalão. Daniel Messac (PSDB), segundo suplente da coligação, assumirá vaga deixada por Zé Antônio, eleito prefeito de Itumbiara.

Ainda não se sabe quem preencherá a vaga deixada por Ernesto Roller (PMDB), eleito prefeito de Formosa, já que seu 1º suplente, Clécio Alves (PMDB), foi reeleito vereador de Goiânia. Se optar pela permanência na Câmara Municipal, sua vaga será repassada ao 3º suplente do partido, Lívio Luciano.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.