Julgamento de Demóstenes é adiado para agosto

O processo é referente ao pedido do procurador de Justiça de retornar às funções no Ministério Público do Estado de Goiás

Após um pedido de vistas do desembargador Norival Santomé, a sessão da Corte Especial do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) que julga o senador cassado e ainda procurador de Justiça Demóstenes Torres foi adiada para 27 de agosto. O processo analisa a revisão da decisão de afastamento do ex-senador Demóstenes Torres do exercício das funções de procurador de Justiça até o final do julgamento da ação penal instaurada contra ele.

Quanto ao recurso interposto por Demóstenes Torres do processo penal que apura oito crimes de corrupção passiva, a Corte Especial do Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) rejeitou-o por unanimidade. O relator do processo, desembargador Leandro Crispim, entendeu não existir possíveis obscuridades ou omissões no caso que justifiquem a modificação do recebimento da ação penal.

*Leia mais:

Demóstenes Torres solicita retorno ao cargo de procurador de Justiça
CNMP prorroga novamente afastamento de Demóstenes do MPGO
Decretado afastamento de Demóstenes do MPGO até fim do processo penal
Demóstenes Torres solicita retorno ao cargo de procurador de Justiça
MP pede suspensão do cargo de procurador de Demóstenes
Demóstenes não trabalha, mas continua com as prerrogativas do cargo
Promotores do MP-GO pedem afastamento de Demóstenes
Senador Demóstenes Torres usava rádio exclusivo em conversas com Cachoeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.