Juiz que retirou tornozeleira de Cachoeira é afastado de juizados e varas criminais

Presidente do TJ revogou decreto nesta quarta-feira (22)

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás, desembargador Gilberto Marques Filho, revogou o decreto que designava o magistrado Levine Raja Gabaglia Artiaga para prestar auxílio nos juizados especiais e nas varas criminais da comarca de Goiânia.

O juiz, que atuava na 3ª Vara de Execuções Penais de Goiânia, é o reponsável pela decisão que determinou a retirada da tornozeleira eletrônica do contraventor Carlinhos Cachoeira, nesta terça-feira (21).

Na decisão, o magistrado acolheu ainda o pedido da defesa para que Cachoeira possa viajar a trabalho por até três dias consecutivos e realizar viagens de lazer desde que tenha autorização prévia da Justiça.

A assessoria de comunicação do TJGO não informou o motivo do afastamento do juiz nem se as decisões dele podem ser revisadas pelo tribunal.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.