José Eliton classifica como “deplorável e mesquinha” ação de Caiado que pode prejudicar Goiás

Senador e pré-candidato ao governo quer barrar realização de operação de crédito entre governo e Caixa destinada à realização de obras de infraestrutura

Foto: Reprodução

Em pronunciamento durante a inauguração do Centro Estadual de Atenção aos Diabéticos, na manhã desta quarta-feira (27/6), o governador de Goiás, José Eliton (PSDB), endureceu o discurso para falar da atuação do senador Ronaldo Caiado, pré-candidato ao governo pelo DEM, contra a realização de operação de crédito de R$ 510 milhões entre o governo de Goiás e a Caixa destinada à realização de obras de infraestrutura.

O governador afirma estar perplexo ao observar um senador por Goiás trabalhar abertamente contra o próprio Estado e define a situação como “deplorável”.

“Ele acha que, com isso, vai prejudicar o governador José Eliton, mas são as famílias goianas quem vão sair prejudicadas. Ele ataca o setor produtivo goiano, ataca prefeitos e por interesse eleitoral mesquinho. Este não é comportamento de quem merece ser parlamentar ou governante”, disparou José Eliton.

O tucano lembrou que as respostas quanto às contas do Estado vêm do próprio Tribunal de Contas e reforçou o modelo republicano adotado pela gestão estadual.

“Não é porque o prefeito de Goiânia e de Aparecida são de outro partido que vamos deixar de repassar verbas. Se for para atrapalhar, não contem comigo”, arrematou.

Deixe um comentário