Já condenado por 15 homicídios, serial killer enfrenta novo júri nesta segunda-feira

Justiça vai avaliar se Tiago Henrique é culpado também pela morte de Rafael Carvalho, assassinado em fevereiro de 2016 no Setor Campinas

O serial killer Tiago Henrique enfrenta, nesta segunda-feira (26/9), mais um julgamento, dessa vez, pelo homicídio de Rafael Carvalho. Presidida pelo juiz Lourival Machado, a sessão começa às 8h30 no 2º Tribunal do Júri da comarca de Goiânia.

Rafael foi morto na madrugada de 16 de fevereiro de 2013, próximo ao Terminal da Praça A, no Setor Campinas, enquanto voltava de um bar no Setor Universitário. Segundo as investigações da Polícia Civil, ele foi abordado por Tiago logo após descer do ônibus. O vigilante deu voz de assalto e atirou em seguida no peito da vítima.

Até agora, Tiago já foi condenado por 15 assassinatos e suas penas somam 373 anos e 10 meses de prisão. No último julgamento a que foi submetido, pela morte do também vigilante Aleandro Santos Miranda, Tiago pegou sua maior pena: 29 anos. Aleandro foi a única vítima a ser morta por esfaqueamento. Nos demais casos, a sentença havia sido de 25 anos (Com informações do Tribunal de Justiça de Goiás).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.