Ivermectina é para uso veterinário, reitera agência de saúde e medicamentos dos EUA

“Você não é uma vaca. Sério, vocês todos. Parem com isso”, disse o órgão em sua página no Twitter

Caixa de remédio sem comprovação de eficácia contra a Covid-19.

No último sábado, 21, a Food and Drug Administration ( FDA, agência de alimentos e medicamentos dos EUA) se posicionou sobre o uso do medicamento ivermectina, remédio antiparasitário, como forma de tratamento contra a Covid-19. A alerta é em decorrência ao aumento do uso da droga no estado do Mississipi.

Mesmo após o Institutos Nacionais de Saúde afirmarem que o uso de ivermectina contra a Covid não apresentava eficácia comprovada e ser destinado para uso veterinário na região, o estado do Mississipi têm insistido no uso do remédio. Na bula do medicamento no estado, há o comando dizendo que a “ingestão de fórmulas de ivermectina para gado ou animais compradas em centros de suprimentos para gado”.

Após todos os estudos feitos com a droga, que também pode ser formulada para uso humano, a FDA não autorizou o uso do medicamento. Para reiterar seu posicionamento científico, o departamento usou sua página do Twitter e disse “Você não é um cavalo. Você não é uma vaca. Sério, vocês todos. Parem com isso” e alertou afirmando que “drogas veterinárias são altamente concentradas para animais grandes e podem ser altamente tóxicas em humanos”.

A FDA também afirmou que houve casos em Louisiana em que pessoas tiveram que ser hospitalizadas, após ingerirem grandes quantidades do remédio. “Tomar grandes doses dessa droga é perigoso e pode causar danos sérios”, disse o departamento de saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.