Ipasgo quita primeira parcela da dívida com rede credenciada

Pagamento é referente aos meses de setembro e outubro de 2018

O Instituto de Assistência dos Servidores Públicos do Estado de Goiás (Ipasgo) iniciou o pagamento das dívidas com os prestadores de serviço de saúde da rede credenciada. Nesta quarta-feira, dia 6, foram quitados os valores referentes aos meses de setembro e outubro de 2018, que deveriam ter sido liquidados em dezembro.

O pagamento faz parte do compromisso firmado entre o presidente do Ipasgo, Silvio Fernandes, e os integrantes do Comitê das Entidades Médicas do Estado de Goiás (Cemeg), grupo formado pela Academia Goiana de Medicina (AGM), Associação Médica de Goiás (AMG), Cremego e Sindicato dos Médicos no Estado de Goiás (Simego), após reunião no dia 25 de janeiro, em Goiânia.

Até agora, cerca de 3,7 mil prestadores, entre eles pessoas físicas e jurídicas, que apresentaram as notas referentes aos meses de setembro e outubro até o período da manhã do dia 18 de janeiro, bem como as certidões, estão com os recebimentos atualizados.

“Não podemos deixar que nossos servidores e usuários sejam punidos pelas irresponsabilidades passadas. Estamos agindo para evitar quaisquer tipo de problemas nas prestações dos serviços”, disse Silvio Fernandes.

O presidente do Ipasgo afirma que as dificuldades financeiras do órgão são graves. Segundo ele, além da dívida com os prestadores de serviço há um déficit mensal de R$ 10,5 milhões.

Fernandes recorda ainda que os valores recolhidos dos servidores em novembro e dezembro de 2018 não foram repassados ao órgão no ano passado e somam R$ 89.239.090,16.

Após essa primeira etapa de pagamentos, o presidente do Ipasgo trabalha para anunciar ainda neste mês de fevereiro um novo calendário para quitar as dívidas referentes ao mês de novembro do ano passado.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.