Indústria da construção recua em novembro, mas continua com expectativas positivas

Sondagem realizada pela CNI mostra queda no nível de atividade da construção de 51,7 para 48,5 pontos

Segundo os dados divulgados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), da Sondagem Indústria da Construção mostra que houve uma queda do nível de atividade e do número de empregados no mês de novembro. Contudo, o setor permanece com alto nível de utilização de sua capacidade.

A CNI consultou 423 empresas, sendo 161 pequenas construtoras, 178 de médio porte e 84 de grande porte, entre os dias 1º e 13 de dezembro para realizar esse levantamento. Concluiu-se que, “novembro mostra uma acomodação do crescimento, depois de meses de atividade mais intensa. Como as expectativas seguem positivas, o resultado não significa uma reversão do dinamismo que caracterizou o setor durante todo o ano”, analisa o gerente de Análise Econômica da CNI, Marcelo Azevedo.

Em outubro, a indústria da construção havia registrado o melhor desempenho do ano, com índice de evolução do nível de atividade em 51,7 pontos – acima da linha divisória dos 50 pontos que separa aumento de queda do nível de atividade. Em novembro, o indicador recuou para 48,5 pontos. Já o índice do número de empregados, que no mês anterior estava em 50,3 pontos, caiu para 49 pontos, abaixo da linha divisória que separa aumento e queda da atividade de emprego.

A Sondagem Indústria da Construção aponta ainda que a Utilização da Capacidade Operacional (UCO) se manteve em 66%, patamar considerado elevado e superior ao observado nos últimos sete anos. A confiança do empresário da construção, por sua vez, registrou alta em dezembro, com avanço de 0,6 ponto, para 55,5 pontos.

Entretanto, a intenção de investir em dezembro caiu para 41,6 pontos, um recuo de 2,9 pontos em relação ao mês anterior. Apesar da queda, o índice permanece alto na comparação com a sua média histórica de 35,4 pontos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.