Hospitais de Itumbiara e Uruaçu ampliam perfil de atendimento

O HCN deve implementar atendimentos de Oncologia e Obstetrícia e o Hospital Estadual de Itumbiara abrirá leitos clínicos e cirurgias

Neste ano, os hospitais de Itumbiara e Uruaçu devem expandir seus perfis de atendimento. Enquanto que o Hospital Estadual do Centro-Norte Goiano (HCN), localizado em Uruaçu, vai passar a atender outras especialidade como os setores de Oncologia e Obstetrícia, o Hospital Estadual de Itumbiara São Marcos passará a atuar como unidade geral para atendimento de média complexidade.

Além da assistência oncológica e obstetrícia, o HCN deve também deve implementar atendimento ambulatorial e internação. “Em janeiro, já temos a ampliação de 30 leitos de clínica cirúrgica e oito leitos de clínicas psiquiátricas para atender os pacientes de saúde mental. Para os próximos meses, já temos novas perspectivas”, comenta João Batista da Cunha, diretor assistencial da unidade. “O HCN iniciou com internações clínicas, em assistência médica, cirúrgica, de pediatria e UTI adulto. Para as próximas fases, devemos ampliar os números desses mesmos leitos para atendimento obstétrico, UTI pediátrica e neonatal”, complementa. 

O Hospital de Uruaçu chegou recentemente a marca de 100 cirurgias realizadas. Antes das melhorias no hospital, muitos pacientes que precisavam de auxílio médico de urgência e emergência viajavam até quatro horas para conseguir atendimento adequado. “Além de expandir nossas especialidades para proporcionar cada vez mais saúde à população goiana, vamos trabalhar para manter e ampliar todos os serviços e procedimentos que já são realizados normalmente no hospital”, assegurou Getro de Oliveira Pádua, diretor-geral do Instituto de Medicina e Desenvolvimento – Imed, que administra a unidade.

O Hospital Estadual de Itumbiara São Marcos, deixa de ser um centro de atendimento exclusivo para tratar de casos de Covid-19 e passa a ser uma unidade geral com ambulatório de especialidades, internação em UTI e enfermaria e, em breve, cirurgias eletivas.  A unidade recebeu obras para reforma e adequação desde sua reabertura, em julho do ano passado, já com o objetivo de, após a fase crítica da pandemia do coronavírus, ter o escopo de assistência ampliado.

“Com a abertura de leitos clínicos e cirurgias no Hospital de Itumbiara São Marcos, a estratégia do Governo de Goiás de regionalizar a saúde é incrementada, fortalecendo a assistência da Macrorregião Centro-Sudeste do Estado”, afirmou o secretário de Estado da Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, durante sua visita técnica ao centro na segunda-feira, 3.

A unidade de Itumbiara já dispõe de atendimentos de buco-maxilo-facial, neurologia, cirurgia vascular, ortopedia, otorrinolaringologia e cardiologia. O local ainda contará com 20 Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e 54 de enfermaria. E em breve, inicia a assistência de traumatologia e ortopedia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.