Homem que matou cadeirante a tiros após briga é preso em Anápolis

Câmeras de segurança registraram momento da briga que aconteceu após discussão em um bar da cidade

Polícia Civil de Goiás informa que autor do crime confessou o crime e se encontra no presídio local

O mandado de prisão temporário em desfavor de R. S. P., 35 anos foi cumprido na manhã desta terça-feira, 7, pela Polícia Civil de Goiás, por meio do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH), em Anápolis. O homem é apontado como autor do homicídio praticado contra o cadeirante Flávio José Custódio, 36 anos. O fato aconteceu na noite do dia 5 de novembro, na Rua Juliana Dantas Borges, Setor Terezinha Braga.

De acordo com as investigações, R. e Flávio teriam discutido mas imediações de um bar por conta de um jogo de sinuca, segundo delegado. Durante a briga, Flávio teria desferido um golpe com um taco de sinuca na cabeça de R., que, por sua vez, agrediu o cadeirante Flávio com socos e pontapés. A briga foi registrada por câmeras de vigilância.

Cessada a confusão, Flávio deixou o local em um automóvel e R. deixou o bar em uma motocicleta. Minutos após, Flávio foi alcançado por R. e morto a tiros, já em frente à garagem de onde residia. R., que confessou a prática do crime, se encontra recolhido no presídio local, à disposição da Justiça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.