Gugu deixou para a mãe pensão de R$100 mil e casa no Alphaville

Alvo de briga na Justiça, testamento obriga herdeiros a pagar pensão vitalícia de R$100 mil à Maria do Céu Liberato

Gugu Liberato e mãe, Maria do Céu | Foto: Reprodução/Instagram

O apresentador Gugu Liberato, morto em um acidente doméstico em novembro, deixou 90% de seus bens aos filhos e o restante aos sobrinhos. É o que diz o testamento, assinado pelo famoso em 2011.

Além de contemplar os filhos e sobrinhos, Gugu garantiu à mãe, dona Maria do Céu Liberato, uma pensão mensal de R$100 mil e a casa no Alphaville, onde ela reside.

No documento, ele destaca que a pensão vitalícia à mãe deve ser reajustada anualmente pelo maior índice vigente e que seja paga pelos herdeiros do testamento. Ou seja, cada um terá que desembolsar parte de sua herança.

A mãe das duas filhas mais novas de Gugu, Rose Di Matteo, não foi mencionada no testamento e, agora, deve entrar na Justiça para ser reconhecida como companheira do apresentador, já que eles viviam juntos há quase vinte anos, antes do falecimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.