Governo deve criar fundo estadual para financiar transporte coletivo na capital

Durante reunião com vereadores, Marconi concordou em destinar parte do IPVA para subsidiar tarifa 

Vereadores reunidos durante reunião | Foto: reprodução/ Facebook/ Anselmo Pereira

O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), acertou, durante reunião com vereadores nesta segunda-feira (7/8), a criação de um fundo estadual para subsidiar o transporte coletivo na Região Metropolitana de Goiânia.

Os recursos viriam, a princípio, de um percentual do Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e serviriam para bancar melhorias em toda a rede.

Em entrevista ao Jornal Opção, o vereador Vinícius Cirqueira (Pros) — que participou da reunião — relatou o interesse do governador em bancar melhorias para o transporte coletivo. “Em todos os lugares onde se tem um transporte de qualidade, há subsídio por parte do poder público. O governo se mostrou preocupado com a situação e a criação do fundo será de extrema importância”, disse.

Além disso, os parlamentares vão se reunir com o prefeito Iris Rezende (PMDB) para que também seja criado um fundo municipal. A ideia é que os recursos venham da regulamentação dos aplicativos de transporte privado, como a Uber, bem como dos parquímetros.

Participaram da reunião os vereadores por Goiânia Vinicius Cirqueira (Pros), Clécio Alves (PMDB), Juarez Lopes (PRTB), GCM Romário Policarpo (PTC) e Anselmo Pereira (PSDB).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.