Governo de Goiás e Ministério das Cidades entregam 200 novas moradias em Porangatu

A entrega será no sábado (25/8) no próprio Residencial Vem Morar Amazonas

Foto: Divulgação

No dia do aniversário de 70 anos de emancipação política, Porangatu, na região Norte do Estado, recebe 200 moradias construídas pela parceria Governo de Goiás e Ministério das Cidades/Caixa. A entrega será no sábado (25/8), a partir das 9 horas, no próprio Residencial Vem Morar Amazonas, na Rua Euzébio Ribeiro Marques (saída para Mutunópolis). O presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Cleomar Dutra, representa o Governo de Goiás durante a entrega.

A doméstica Jucilene Camila, de 23 anos, está entre as famílias beneficiárias e não esconde a ansiedade pela chegada do dia em que irá receber sua casa própria. Ela vai morar no novo residencial com o marido Altencir Martins, 47 anos, e os filhos Victor Hugo e David Wallison, depois de anos de luta pela conquista da moradia. “Não consigo dizer qual é a sensação. Estou muito feliz, principalmente pelos meus filhos, que vão ter um lugar seguro e digno para morar a partir de agora”. Ela conta que vai pagar prestações acessíveis, no valor de R$ 300, deixando para trás um histórico de moradias de aluguel.

 “Meu dinheiro está sendo investido. Vou pagar todos os meses e ter o futuro da minha família garantido”, afirma o representante comercial, Warley Silva, de 27 anos. Assim como Jucilene, ele comemora o fim do aluguel de R$ 550 por mês. Warley vai morar na nova casa, com a esposa Katryele Elaine, 22 anos, e os dois filhos. “É uma grande vitória em nossas vidas. Depois que saí da casa de minha mãe, o meu principal objetivo era conseguir um lar para meus filhos”, conta ele, que irá pagar R$ 305 por mês de prestação.

As famílias foram selecionadas na nova faixa 1.5 do programa Minha Casa Minha Vida, com renda até R$ 2,6 mil. O prazo de financiamento é de 360 meses, com valor da parcela entre R$ 300 e R$ 400. A parceria do Governo de Goiás, com recursos do crédito outorgado de ICMS, ajuda a viabilizar os empreendimentos e diminuir os valores das prestações por meio de convênios com o governo federal e os municípios.

A participação do Governo de Goiás na construção das moradias é de R$ 10 mil por unidade habitacional, com investimento de R$ 2 milhões. Em Porangatu, estão em construção outros dois residenciais, o Vem Morar Araguaia, com 152 unidades habitacionais, e o Residencial Vem Morar Tocantins, com 216 moradias. Também já foi entregue pelo Governo de Goiás o Residencial Marlene Vaz, com 50 moradias. São mais de R$ 15 milhões de recursos do Estado e Caixa utilizados na construção dos residenciais.

Deixe um comentário