Governo de Goiás busca nova vacina como alternativa para acelerar imunização

Entre as medidas possíveis estão a aquisição de vacinas da Johnson & Johnson que imunizam com apenas uma dose

Governador Ronaldo Caiado anunciou para breve reunião de governadores com o embaixador da China no Brasil| Foto: Reuters

Em meio ao processo de vacinação contra a Covid-19 em Goiás, o governador Ronaldo Caiado afirmou que busca mais alternativas para acelerar o processo de imunização da população. Uma das opções possíveis é a vacina criada pela empresa Johnson & Johnson, que atualmente se encontra na terceira fase de testes e se difere das outras pelo fato de não precisar de uma segunda dose. “Vai promover uma diferença enorme e uma rapidez maior, porque não dependerá de uma segunda dose”.

Nas últimas semanas o Brasil tem tido dificuldades para realizar a importação de insumos necessários para a produção da Coronavac e da vacina da Oxford/AstraZeneca no país. O governador anunciou para breve a realização de uma conferência entre todos os governadores e o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming. “Queremos mostrar a necessidade de avançar, já que o Brasil tem capacidade de produção que pode chegar a 1,5 milhão de vacinas por dia”. O governador destacou que caso haja a parceria com o governo chinês, a população do Brasil poderia ser imunizada em até seis meses. 

O Estado de Goiás deve iniciar mais uma etapa de vacinação no próximo dia 15 de fevereiro. Para que isso ocorra, Goiás deverá receber mais um lote de vacinas enviado pelo governo federal. É esperado que seja realizada a imunização de idosos que estão fora de instituições de longa permanência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.