Goiás já tem oito mortes confirmadas por H1N1

Dados do boletim de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) mostram que 63 casos da doença já foram confirmados no estado

Dados do boletim SRAG

Chega a oito o número de mortes causadas pelo vírus H1N1 em Goiás, de acordo com dados do boletim de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Quatro casos foram registrados em Goiânia, dois em Trindade, um em Hidrolândia e um em Jaupaci.

O número de casos da doença também subiu e já são 63 casos de H1N1 confirmados em Goiás.

No início da tarde desta segunda-feira (9/4) um criança de um ano morreu no Cais Jardim Guanabara. Informações preliminares davam conta de que havia a supeita de que a morte teria sido causada pelo vírus H1N1.

Entretanto, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) não confirmou a informação e disse que o caso não foi notificado como Síndrome Respiratória Aguda Grave e que segue em investigação no Serviço de Verificação de Óbitos (SVO).

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.