Goiás chega ao último dia de vacinação contra pólio e sarampo com meta atingida

Estado é o sétimo do País no ranking do índice de vacinação

A campanha de vacinação contra pólio e sarampo encerra nesta sexta-feira (14/9) e o Estado de Goiás superou a meta preconizada pelo Ministério da Saúde (MS) de vacinar 95% das crianças de 1 ano a menos de 5 anos.

Dados do Ministério da Saúde revelam que, no geral, foram imunizadas em todo o Estado 97,65% das crianças contra a poliomielite (paralisia infantil) e 96,94% contra o sarampo. Os registros também apontam que Goiás é o sétimo Estado do País no ranking do índice de vacinação, atrás apenas do Amapá, Santa Catarina, Pernambuco, Espírito Santo, Rondônia e Sergipe.

Embora o índice geral de vacinação seja superior a 95% no território goiano, mais de 50 municípios ainda não alcançaram a meta. Entre eles, chama a atenção os que têm grandes contingentes populacionais, como Goiânia, Aparecida de Goiânia, Anápolis e Rio Verde.

A campanha deste ano é indiscriminada, por isso, todas as crianças nessa faixa etária devem se vacinar, independente da situação vacinal. O secretário de Estado da Saúde de Goiás, Leonardo Vilela, conclama os pais ou responsáveis que ainda não vacinaram as crianças a levá-las aos centros de Saúde.

Leonardo Vilela destaca que a vacina é a forma mais eficaz de proteger as crianças contra a poliomielite e o sarampo, doenças consideradas graves. A paralisia infantil, enfatiza o secretário, deixa sequelas, muitas vezes, irreversíveis. Já o sarampo, pode causar a morte.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.