Goianienses fazem fila em busca de vacina contra H1N1 em clínicas particulares

Valor da imunização varia de R$ 70,00 a R$ 160,00. Vacina pela rede pública de saúde terá início a partir do dia 23 de abril 

Fila em frente a uma clínica de vacinação particular no setor Aeroporto, em Goiânia | Foto: Reprodução

Com o atraso da campanha de vacinação contra gripe H1N1 em Goiás, dezenas de pessoas procuraram clínicas particulares em busca da vacina na manhã desta terça-feira em Goiânia. Na imagem, a fila se estendia pela calçada em frente ao centro de vacinação da Unimed, no setor Aeroporto.

A maioria dos estabelecimentos particulares, porém, não estão preparados para tamanha procura. Muitos ainda não têm estoque ou não possui em quantidade suficiente para atender à demanda, ou seja, quando recebem carregamento o mesmo esgota com rapidez.

A orientação para quem pretende se imunizar, portanto, é que a pessoa entre em contato com a clínica de sua preferência para conferir se existe disponibilidade e se colocar na lista de espera se for o caso.  O valor da imunização varia de R$ 70,00 a R$ 160,00.

A Secretaria Estadual de Saúde confirma a ocorrência de 50 casos da Influenza A em Goiás este ano, sendo 44 causados pelo vírus H1N1, 5 pelo H3N2 e um caso pelo Influenza B. Ainda de acordo com o último boletim divulgado, houve 4 mortes confirmadas por Influenza A, dentre as quais 03 óbitos foram confirmados pelo vírus H1N1 e uma por H3N2. Outros 92 casos ainda estão em investigação

Segundo o Ministério da Saúde, a vacina por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) estará disponível apenas para os grupos prioritários a partir do dia 23 de abril.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.