Garota de 10 anos torturada com alicate pela mãe passa por cirurgia em SP

M.J. foi submetida a procedimentos para retirar queloides que se formaram pelo corpo após agressões 

Garota torturada em SP| Foto: Isabella Britto/ Ciranda para o Amanhã

Torturada e escravizada pela própria mãe e pelo padrasto em São Paulo (SP), a garota M.J., de apenas dez anos, passou por uma cirurgia na última terça-feira (2/5). Ela retirou queloides e marcas que se formaram no corpo após a diversas sessões de tortura com alicate — inclusive na vagina — a que foi submetida como forma de castigo.

Descoberto em agosto do ano passado, o caso é registrado pelo jornal “Estado de São Paulo” na edição desta quarta-feira (3), que registra o sucesso do procedimento médico. Em agosto do ano passado, M.J. conseguiu fugir da casa onde morava, na região Oeste da capital paulista, e foi encontrada com ferimentos graves por todo o corpo. Entre as agressões que sofreu nos últimos seis anos, ela contou que teve a língua cortada e costurada com agulha, as unhas arrancadas e torturas psicológicas.

A garota vive hoje em um abrigo junto com dois irmãos mais novos e foi “adotada” pela Organização Não Governamental (ONG) Ciranda para o Amanhã, que atua em prol de 14 instituições, que abrigam cerca de 350 menores de todas as idades, em situações de abandono e violência.

Segundo a reportagem, a mãe da menina, Vanessa de Jesus Nascimento, foi condenada a 48 anos de prisão, e o padrasto, Adriano dos Santos, 33 anos, por crimes de redução à trabalho análoga à escravidão, lesão corporal gravíssima e tortura.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Frank

Coloque esses monstros na cadeia para nunca mais cometerem atrocidades.