Folha: Dilma cede e convida Cunha para jantar. Na pauta, terceirização e até dietas

Jornal afirma que a presidente, em uma tentativa de se aproximar do desafeto político, teria convidado o deputado para um encontro “a sós” no Palácio do Planalto

Presidente Dilma entrega condecoração ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha: o comando do País | Foto: Roberto Stuckert Filho | PR

Presidente Dilma entrega condecoração ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha: o comando do País | Foto: Roberto Stuckert Filho | PR

A presidente Dilma Rousseff (PT) deu mais um passo para a reaproximação com o PMDB na última quinta-feira (16/4). De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, a petista teria convidado o presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha, para um jantar “a sós”.

Em uma tentativa de apaziguar a relação com o peemedebista — que tem imposto sucessivas derrotas ao governo no Congresso –, a presidente o recebeu no Palácio do Planalto. De acordo com Folha, entre os temas abordados na noite: o projeto da terceirização, política e até amenidades, como dietas.

A presidente perdeu 13 quilos após adotar o regime da moda, chamado Ravenna, e agora dá novos sinais de que tem decidido perder o comando do País, de vez, para o PMDB. Na semana passada, vale lembrar que ela “convidou” o vice, Michel Temer, para assumir a articulação política do governo.

Deixe um comentário