Há dois dias da posse do presidente eleito Luís Inácio Lula da Silva (PT) integrantes do governo do Distrito Federal afirmaram, em entrevista coletiva nesta quinta-feira, 29, que o esquema de segurança está preparado para garantir um ambiente saudável na “festa da democracia”.

Nos últimos dez dias, a Polícia Militar (PM) do DF registrou seis suspeitas de bomba, na qual duas delas foram confirmadas com a presença de artefato. Ao todo, em 2022, foram registradas 13 denúncias, com a cerimonia de domingo, 1, a suspeita de um possível atentado aumenta.

O secretário de Segurança Pública, Júlio Danilo, afirmou que o esquema montado em parceria com a Polícia Federal (PF), irá garantir a proteção de todas as pessoas. “Nós estamos atentos às movimentações na cidade e garantiremos a segurança de todos”, afirmou.

Tetra, Lula receberá a faixa pela terceira vez, a expectativa é que a cerimonia reúna 300 mil pessoas. A faixa de presidente da República precisará chegar até as 12h30 na Praça dos Três Poderes, que terá uma lotação máxima de 30 mil pessoas.