Família celebra centenário do escritor Basileu Toledo França

Teatro-escola no Setor Leste Universitário que leva o nome do homenageado recebe solenidade às 19 horas

Filho de Jataí, Basileu Toledo França completaria 100 anos hoje | Foto: Divulgação

A memória do historiador, jornalista, escritor jataiense e entusiasta da cultura Basileu Toledo França será lembrada em solenidade hoje às 19 horas. O evento celebra a data que marca os 100 anos de nascimento do filho de Jataí que dá nome ao Teatro-Escola Basileu França, em Goiânia, que será palco da ocasião festiva.

Falecido em 22 de novembro de 2003 aos 84 anos, Basileu Toledo França tem como um de seus principais títulos o livro “Pioneiros”, um romance que se baseia na história de Jataí, no Sudoeste goiano, lançado em 1954. A obra é uma das mais de 20 escritas pelo jataiense ilustre que ganhou homenagens ao ter seu nome escolhido para batizar o Centro Cultural Basileu Toledo França em 8 de junho de 2002, ainda em vida.

Foi naquela ocasião, na cidade de Jataí, que Basileu França voltou à infância. “Ho­je, ao re­tor­nar a es­te lu­gar má­gi­co da me­ni­ni­ce, nos­sa que­ri­da ma­ti­nha do Olho D’Água, on­de jor­ra­va dia e noi­te em bi­ca rús­ti­ca a água pu­ra pa­ra o ba­nho pú­bli­co, eu me en­can­to ain­da com as lem­bran­ças e tenho a ine­fá­vel ale­gria de ver meu pró­prio no­me no fron­tis­pí­cio des­te centro de cul­tu­ra.”

E continua, satisfeito pelo reconhecimento e homenagem: “Sem dú­vi­da al­gu­ma re­pre­sen­ta mais do que es­pe­ra­va da vi­da de ga­ro­to po­bre, mas fe­liz: ser lem­bra­do as­sim pe­los con­ter­râne­os. Ja­mais po­de­ria so­nhar com prê­mio tão al­to e sig­ni­fi­ca­ti­vo, em­bo­ra não te­nha fei­to ou­tra coi­sa es­pe­ci­al na vi­da adul­ta de ho­mem de le­tras se­não pes­qui­sar, es­tu­dar e di­fun­dir os ver­da­dei­ros va­lo­res do po­vo, da ter­ra e da cul­tu­ra bra­si­lei­ra. De mo­do mui­to par­ti­cu­lar de Ja­taí e sua be­la re­gi­ão”.

Jataiense com amor
Hoje é mais uma daquelas oportunidades das quais, como no dia 8 de junho de 2002 em Jataí, Basileu França adoraria estar presente para repetir o final de seu discurso na inauguração do centro cultural em sua cidade natal. “Por tu­do is­so, a ho­me­na­gem que me es­tá sen­do con­fe­ri­da de ser o pa­tro­no des­ta ca­sa re­pre­sen­ta o mai­or ga­lar­dão de mi­nha vi­da in­te­lec­tu­al. Uma consagração na pró­pria ter­ra na­tal, que tan­to amo e pro­cu­ro dig­ni­fi­car”, agradeceu o historiador há 17 anos.

Às 19 horas de hoje, outro espaço que leva seu nome será palco da homenagem ao centenário de um goiano que atuou na divulgação da cultura goiana. Amigos, familiares, admiradores e pesquisadores acompanharão a solenidade no Teatro-Escola Basileu França, que fica na Avenida Universitária, número 1.750, no Setor Leste Universitário, em Goiânia.

No dia 28 de setembro, o centenário de Basileu França será lembrado às 9 horas no Museu Histórico de Jataí.

Centenário do historiador será lembrado com solenidades hoje em Goiânia e dia 28 na cidade de Jataí | Foto: Divulgação

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.