Evento que pede reeleição de Marconi começa, mas sem a entrada de jornalistas

Movimentação de políticos e jornalistas em frente ao local escolhido pela base para evento que pretende aclamar candidatura à reeleição de Marconi Perillo | Foto: Marcello Dantas

Movimentação de políticos e jornalistas em frente ao local escolhido pela base para evento que pretende aclamar candidatura à reeleição de Marconi Perillo | Foto: Marcello Dantas

Começou com pouco atraso o evento político em que o governador Marconi Perillo (PSDB) deverá atender o pedido da base aliada para que seja candidato à reeleição, na manhã desta segunda-feira (23/6), no Parque de Exposições Agropecuárias de Goiânia, no Setor Leste Vila Nova. No entanto, a imprensa não pôde acompanhar a abertura do evento, iniciado por volta de 10h20. Na entrada, seguranças pediam àqueles que entravam no Pavilhão Augusto França Gontijo que desligassem o celular.

Várias autoridades estão presentes, como os senadores tucanos Cyro Myranda e Lúcia Vânia, os deputados federais Roberto Balestra (PP), Thiago Peixoto, Vilmar Rocha e Heuler Cruvinel (todos do PSD), Carlos Alberto Leréia, Valdivino de Oliveira e João Campos (do PSDB), Jovair Arantes (PTB), Magda Mofato (PR), além do vice-governador José Eliton (PP). Uma contagem extraoficial aponta que mais de 150 prefeitos participam, inclusive aqueles da oposição que declararam apoio ao tucano. Estes, seriam mais de dez.

Informação de bastidores dão conta que os políticos presentes farão um manifesto, por meio de cartas, para que Marconi se lance à reeleição.

*Notícia atualizada às 14h para correção. Diferente do informado anteriormente, a crítica a qual o vice-governador José Eliton se referia não partiu do deputado federal Ronaldo Caiado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.