“Esses caras vêm sabotando a vacina desde o início”, diz assessor sobre deputado e Bolsonaro dias antes de morrer por Covid-19

No áudio, o advogado José Roberto Feltrin culpa deputado José Medeiros (Podemos-MT) e presidente Jair Bolsonaro por falta de vacinas

José Roberto Feltrin (à direita da foto) era assessor parlamentar no gabinete do deputado federal José Medeiros (à esquerda da foto) | Foto: Reprodução/ Facebook

Circulou na internet nesta sexta-feira, 21, um áudio divulgado na internet atribuído ao advogado José Roberto Feltrin, de 55 anos, morto na última terça-feira, 18, por complicações da Covid-19. Na gravação feita pouco antes de sua morte, Feltrin culpa as contaminações pelo coronavírus e a falta de vacinas o deputado José Medeiros (Podemos-MT), para quem trabalhava como assessor, e o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

“A culpa é desse capitão bunda suja que não providenciou vacina. Minha saturação despencou de ontem para hoje. Acho que estou com Covid”, diz o ex-assessor ao amigo a quem enviou a mensagem. “Eu vou no médico agora, mas estou com medo, cara. É como se um filme tivesse passado na minha cabeça”, conta ofegante.

No áudio, Feltrin demonstra claramente dificuldades para respirar. “Eu acho que não vou aguentar. Eu tô mal pra caramba”, desabafa. “Esse tal de (deputado José) Medeiros é responsável por tudo isso que está acontecendo com o povo brasileiro. Esses caras vêm apoiando esse governo genocida. Esse caras vêm sabotando a vacina desde o início… E ninguém faz nada na desgraça desse país maldito”, afirma o advogado.

Ao portal UOL Notícias, o deputado José Medeiros disse que o áudio seria uma “vingança de um ex-assessor que demiti”. O parlamentar afirmou, ainda, que a divulgação do áudio não teria sido autorizada por Feltrin e que “é obra” de um ex-chefe de gabinete que “brigou com todo mundo, quis mandar em tudo aqui e tive que afastá-lo”. Medeiros havia postado uma homenagem ao ex-assessor morto por Covid-19 no dia de sua morte.

Ouça o áudio:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.