Ernesto Roller, Adib e Paulo do Vale podem ser suspensos do MDB nesta quinta-feira (10)

Presidente do Conselho de Ética do partido, Thiago Borges, explicou que, com dois terços de votos favoráveis, prefeitos emedebistas podem ser bloqueados da legenda

Sessão vai acontecer no Diretório Estadual do MDB, em Goiânia | Foto: Reprodução

Formado por sete emedebistas, a primeira sessão de análise dos processos cautelares de expulsão dos prefeitos da legenda que acontece nesta próxima quinta-feira (10/5), no Diretório Estadual do MDB, em Goiânia, pode já resultar na suspensão de Ernesto Roller (Formosa), Adib Elias (Catalão) e Paulo do Vale (Rio Verde).

O presidente do Conselho de Ética do MDB, Thiago Borges, porém, disse que sendo a comissão formada por emedebistas de diferentes áreas do Estado fica difícil prever qual será o resultado. “Sabemos que se dois terços dos presentes forem favoráveis ao pedidos dos processos cautelares, o resultado será enviado à executiva de Goiás e os prefeitos podem ser suspensos do partido ainda no mesmo dia”, explicou ao Jornal Opção.

Thiago contou também que, por se tratar de um processo cautelar, é possível que a situação de suspensão ou, em último caso, expulsão dos prefeitos do MDB possa ser revertido. “Estamos preocupados em fazer um trabalho técnico e imparcial, prevendo o estatuto do partido”, confirmou.

Deixe um comentário