Entre janeiro e julho, Procon Goiás retirou 16 toneladas de produtos impróprios para consumo do mercado

Operações realizadas no mês de julho apreenderam quatro mil toneladas, dobro da média mensal confiscada pelo órgão

Produtos confiscados pelo Procon Goiás | Foto: Procon Goiás

Entre janeiro e julho de 2020, o Procon Goiás retirou de circulação 16.326 toneladas de materiais impróprios para consumo. Foram 116.375 unidades de produtos com prazo de validade expirado, sem procedência ou fora dos padrões de consumo.

Apenas em julho, o órgão realizou três operações que percorreram por 453 estabelecimentos comerciais de 43 municípios goianos, entre eles, Goiânia.

A média mensal de toneladas apreendidas são de 2.332 de materiais. Apenas em julho, o total retirado de mercado pelo Procon foi de quatro toneladas, o dobro da média mensal. As ações são realizadas a partir de denúncias realizadas por consumidores e fiscalizações de ofício.

Em julho, de acordo com o Procon Goiás, houve aumento nas expressivo de ligações de consumidores ao órgão para relatar aumento de preços, em especial, de materiais de construção e medicamentos que compõem o “kit Covid-19”. Também foram denunciados valores de testes para detecção do coronavírus.

Apesar das dificuldades decorrentes da pandemia, o superintendente do Procon Goiás, Allen Viana, destacou que as ações no interior foram intensificadas para “garantir efetivamente a defesa do consumidor”.


Veja a lista dos municípios que receberam ação do Procon em julho:

  • Abadia de Goiás
  • Abadiânia
  • Anápolis
  • Aparecida de Goiânia
  • Arenópolis, Barro Alto
  • Bela Vista de Goiás
  • Bom Jardim de Goiás
  • Caldazinha, Campo Limpo de Goiás
  • Carmo do Rio Verde
  • Cidade Ocidental
  • Cocalzinho de Goiás
  • Corumbaíba
  • Goiânia
  • Guapó
  • Hidrolândia
  • Inhumas
  • Ipameri
  • Ipiranga de Goiás
  • Itapaci
  • Marzagão
  • Morrinhos
  • Nerópolis
  • Nova Glória
  • Nova Veneza
  • Novo Gama
  • Pilar de Goiás
  • Piranhas
  • Pontalina
  • Rubiataba
  • Santa Cruz de Goiás
  • Santo Antônio de Goiás
  • Senador Canedo, Silvânia
  • Terezópolis de Goiás
  • Valparaíso de Goiás
  • Vianópolis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.