Em visita a Goiânia, Sabrina Sato conta ao Jornal Opção sobre nova fase da carreira

No ar aos sábados, em horário nobre, a apresentadora chegou a receber críticas pela falta de experiência que transpareceu durante a condução dos primeiros programas. Mas isso não amedronta a japa

Foto: Edilson Pelikano - Jornal Opção Online

Foto: Edilson Pelikano/Jornal Opção Online

Carisma e esponteinadade. Essas são as principais marcas da apresentadora, e humorista por vocação, Sabrina Sato. A recém-contratada da Rede Record veio a Goiânia na noite da última quinta-feira (5/6) como convidada de honra da cerimônia que celebrou a inauguração da nova sede da emissora filiada no Estado de Goiás. O Jornal Opção Online falou com a musa no evento. Sempre muito bem humorada, ela comentou sobre a nova fase profissional e a que pé anda a aceitação de seu novo programa, o “Programa da Sabrina”.

A apresentadora disse estar realizada na nova casa e não demonstra nenhum arrependimento em relação à sua saída do humorístico Pânico na Band. “Desde criança o meu sonho é ser apresentadora de televisão”, lembra.

Quando questionada em quem se inspira, a japa surpreende e diz que tenta se mirar na conduta da avó. “Minha vó Luísa! Ela que me criou. Ela não está mais aqui, mas eu me inspiro na forma como ela tratava as pessoas.” No campo profissional, Ellen Degeneres, Xuxa, Hebe Camargo e Regina Casé são algumas das apresentadoras citadas por Sabrina como fontes de inspiração.

No ar aos sábados pela Record Nacional, a apresentadora chegou a receber críticas pela falta de experiência que transpareceu durante a condução dos primeiros programas. Mas isso não amedronta Sabrina. Ela entende a dimensão dos desafios advindos com o voo solo e afirma não ter medo de errar. “Todos os dias vocês vão ver uma apresentadora melhorar no ar, crescer no ar. O programa também. A gente vai sentindo o que o público está gostando ou não. O importante é fazer um programa legal, divertido e emocionante para o público de casa.”

Mas para estrear em horário nobre Sabrina teve que suar a camisa. “Eu me preparei para isso. Fui preparada até para dar entrevista”, confidencia, momentos antes de preencher o ambiente com sua gargalhada inconfundível.

Foto: Edilson Pelikano

O humorista, apresentador e jornalista Rafael Cortez também desembarcou em Goiânia para celebrar a nova fase da Record Goiás. Em entrevista exclusiva ao Jornal Opção Online, o ex-repórter do programa CQC, da Rede Bandeirantes, avalia que tanto ele quanto sua nova colega de emissora foram muito corajosos em sair de suas respectivas zonas de conforto. “Admiro muito a Sabrina, e me admiro também. Chamo isso de ousadia.” Atualmente, Cortez comanda o programa “Me Leva Contigo”, que vai ao ar nas noites de sexta-feira. “É muito divertido de fazer. Estou até sem voz, mas estamos num pique legal de gravação”, contou.

Nunca deixando de lado o humor, Cortez, em referência ao novo prédio da filial, elogiou a beleza da mulher goiana. “Goiânia é a maior concentração de mulher bonita que existe no Brasil. Um prédio bonito desse, uma emissora bonita dessa, precisa ter mulheres bonitas.”

Assim como Sabrina, Rafael saiu de um programa de humor, com papel secundário, para o comando de um programa de auditório. No entanto, ele avalia que não deixou de ser humorista por conta do novo formato. “Eu não vejo que saí da parte cômica. Acho que a versão brasileira do Me Leva Contigo é diferenciada porque é apresentada por um apresentador que faz humor.”

Deixe um comentário